Música da Semana

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Hurt ( Christina Aguilera )

Seems like it was yesterday when I saw your face
You told me how proud you were, but I walked away
If only I knew what I know today, ooh ooh

I would hold you in my arms
I would take the pain away
Thank you for all you've done
Forgive all your mistakes
There's nothing I wouldn't do
To hear your voice again
Sometimes I wanna call you
But I know you won't be there

Ooh, I'm sorry for blaming you
For everything I just couldn't do
And I've hurt myself by hurting you

Some days I feel broke inside, but I wouldn't admit
Sometimes I just wanna hide, ‘cause it's you I miss
And it's so hard to say goodbye
When comes to this, ooh yeah

Would you tell me I was wrong?
Would you help me understand?
Are you looking down upon me?
Are you proud of who I am?
There's nothing I wouldn't do
To have just one more chance
To look into your eyes
And see you are looking back

Ooh, I'm sorry for blaming you
For everything I just couldn't do
And I've hurt myself, ooh ooh

If I had just one more day
I would tell you how much that
I missed you since you've been away
Ooh ooh, It's dangerous
It's so out of line to try and turn back time

I'm sorry for blaming you
For everything I just couldn't do
And I've hurt myself, by hurting you


Magoada


Parece que foi ontem que eu vi a tua cara
Disseste-me o quão orgulhoso estavas, mas eu virei as costas
Se ao menos eu soubesse o que sei hoje, ooh ooh

Eu te seguraria nos meus braços
Eu tiraria a dor
Agradeceria por tudo o que fizeste
Perdoaria todos os teus erros
Não há nada que eu não faria
Para ouvir a tua voz outra vez
Às vezes quero chamar-te
Mas eu sei que não estarás lá

Ooh, Desculpa por te culpar
Por tudo o que eu não pude fazer
E eu magoei a mim mesma, ao magoar-te a ti

Há dias em que me sinto destruída por dentro, mas não admitiria
Às vezes só quero esconder-me, porque é de ti que tenho saudades
E é tão difícil dizer adeus
Quando chega a hora, ooh yeah

Dizias-me se estivesse errada?
Ajudavas-me a entender?
Estás a ver-me aí de cima?
Estás orgulhoso de quem eu sou?
Não há nada que eu não faria
Para ter só mais uma oportunidade
De olhar nos teus olhos
E ver que estás a olhar de volta

Ooh, Desculpa por te culpar
Por tudo o que eu não pude fazer
E eu magoei a mim mesma, ooh ooh

Se eu tivesse só mais um dia
Eu te diria o quanto
Tenho saudades de ti desde que partiste
Ooh ooh, É perigoso
É tão fora da linha para tentar e voltar atrás no tempo

Ooh, Desculpa por te culpar
Por tudo o que eu não pude fazer
E eu magoei a mim mesma, ao magoar-te a ti 


0 comentários:

Postar um comentário